09 março 2013

16 de Março, Clube de Leitura da BIBLIOTECA MUNICIPAL MIGUEL TORGA, MIRANDA DO CORVO

Já está na pilha dos lidos. Contos de uma realidade social que desmente a bondade lamecha das gentes do campo, e as coloca, entre o bem e o mal, muito para lá das virtudes imaginárias propaladas pelo anterior regime político. Almas e corpos dissecados em profundidade: paixões, crenças e lutas. Aqui não há deuses nem milagres: tudo é feito pela mão do homem.
Livro de 1941, um grande poema ao povo transmontano!

Um comentário:

Custódia C.C. disse...

Estou aqui a pensar nesta coisa fantástica que é a nossa Comunidade a apadrinhar o nascimento de outra...