16 novembro 2013

SARAMAGO, 91 anos

16 de Novembro (1994)
 
"No Arts Council, em Londres, apresentaram-me de surpresa um grande bolo branco com palavras de chocolate e erros de ortografia: «Parabens, señor Saramago.» O «parabéns a você» (que sempre detestei) é cantado por doze vozes e em três versões: a luso-brasileira, a moçambicana e a inglesa... (...) Quando apaguei a única vela que havia no bolo, descobri que afinal eram setenta e duas. Tantas. (...)"

Cadernos de Lanzarote - Diário II

4 comentários:

Zé António disse...

05:12, hora de deitar, de acordar ou, de sono interrompido para lhe prestares homenagem na data do seu aniversário?
Parabéns pela tua lembrança e partilho da efeméride.

Manuel Nunes disse...

Sim, mais ou menos isso, e se olhares para a outra página 04:29. Homenagem simples e merecida.
E agora vamos ao "Cerco". Grande Saramago!

Custódia C.C. disse...

Com ou sem insónias, Saramago merece sempre o destaque e a homenagem.
Grande escritor!
Já me lancei ao Cerco ....

Anônimo disse...

Bia, diz...

Já me sinto sitiada e ao mesmo tempo sitiante, neste Cerco.