25 fevereiro 2016

"ESTEIROS" E O CINEMA

Estes os filmes vistos pelos heróis de Esteiros na 3ª parte do romance, PRIMAVERA, capítulo 1. O primeiro, A Dama das Camélias (1937), dirigido por George Cuckor e interpretado por Greta Garbo e Robert Taylor; o segundo, um dos muitos protagonizados por Tim Mc Coy, Bulldog Courage (1935), que em Portugal terá recebido o título de “Cavaleiro sem Medo”.
Muito realista tudo o que é narrado sobre a forma como, naquela época, ocorria o espectáculo. As salas de reprise, tanto de Lisboa como da Província, passavam dois filmes por sessão, e a entrada estava condicionada a certas normas de indumentária. Gineto foi impedido de entrar por não trazer casaco, sendo salvo pela criança raquítica que lhe emprestou o seu. Por outro lado, os mais novos entravam sem pagar se acompanhados de um adulto, e daí os rogos de Cocas aos que iam chegando: «Deixe-me entrar consigo. Deixe.»
Por vezes, a emoção apoderava-se dos espectadores a ponto de confundirem a ficção com a realidade. Saguí, angustiado, gritava na sala: «Cuidado, Macacoy, que o gajo tá na esquina!».
Um capítulo belo e divertido sobre a grande fábrica de sonhos que é o Cinema.

2 comentários:

Anônimo disse...

Bia diz...

"...fábrica de sonhos que é o Cinema."

Creio mesmo,que, neste romance a maior e mais importante personagem é precisamente "O Sonho".

Custódia C. disse...


O sonho é muitas vezes o que ajuda a suportar, o insuportável...