26 janeiro 2014

O BRILHO DAS CIDADES. A ROTA DO AZULEJO


Aquilo que não vi na exposição: a figura de convite (lacaio, mordomo, etc.), um género de azulejaria praticado nos palacetes dos séculos XVIII e XIX. Normalmente estava à entrada, no átrio ou na escadaria de acesso ao salão, simbolizando as boas-vindas apresentadas pelos donos da casa aos seus convidados. Recortava-se em tamanho natural a partir de um silhar.
Há uma peça na exposição que se aproxima deste conceito, embora não corresponda, quanto a mim, à figura de convite típica, tal como as que aqui ficam nas imagens supra.

2 comentários:

Custódia C.C. disse...

Também por lá passei ontem e ... confirmo, nada de lacaios, mordomos, damas ou outras figuras de convite :)

Paula M. disse...

Havia uma «Minerva» de convite, (seria?)passo a expressão, mas estas são muito mais interessantes.