02 janeiro 2014

O QUE VALE A PENA?...





... Tudo, nas condições do poeta ou nada, se, de acordo com aquelas condições, deixarmos que a Alma se reduza às dimensões das circunstâncias? No caso pendente, seria o chove não chove, multidões à parte e outras agravantes advenientes. A decisão de partir, pela ª vez, esperando que não a derradeira, à descoberta do Terreiro do Paço em noite de passagem de ano, foi do melhor que me podia ter acontecido! Aqui fica o testemunho; e ainda, o desafio para que alguns se juntem à animação na próxima passagem de ano. Vale a pena!

3 comentários:

Paula M. disse...

Tentadora proposta Amélia. Foi uma forma de passar o Fim do Ano que sempre me passou ao largo...E com pena. Entretanto, enquanto esperamos, dias bons e felizes em 2014, para todos.

Custódia C.C. disse...

Vale sempre a pena quando vamos atrás dos nossos desejos :)

Maria Amélia disse...

Boa! Temos boa companhia daqui a uns escassos... 362 dias... Não se esqueçam!